logo

Conecte conosco

Após rastrear celular, 4º BPM prende autor de roubos sucessivos em Gurupi

Após roubos sucessivos a transeuntes, a PM localizou um dos autores do delito por meio de rastreamento de um dos aparelhos celulares roubados.

O 4º Batalhão de Polícia Militar – 4º BPM prendeu na noite desta terça-feira, 20, um homem, 22 anos, acusado de roubos sucessivos a transeuntes em Gurupi – TO. Na residência do acusado a PM localizou 14 aparelhos celulares, um notebook, três bolsas de mão femininas, uma mochila escolar, duas folhas de cheques preenchidas, oito cartões de crédito, uma motocicleta Honda CG 125, cor azul, um pedaço de cano de metal de 15cm, além de outros objetos.

A prisão aconteceu no setor João Lisboa da Cruz, região norte. A PM foi acionada por uma das vítimas de roubo, que havia ocorrido na avenida Guanabara, esquina com a rua 8, na região central.

Segundo relatos das vítimas, enquanto estas se encontravam na frente de um estabelecimento de ensino, dois homens numa motocicleta passaram pelo local e sob ameaça de um deles, que portava um objeto semelhante a uma arma de fogo, praticaram o roubo. Os autores subtraíram duas bolsas contendo documentos pessoais, materiais escolares e aparelhos celulares e fugiram.

Após o crime, os policiais diligenciaram e mediante o rastreamento de um dos celulares localizaram a casa do acusado. No ambiente havia três menores, além do autor do delito. Eles tentaram se evadir, porém foram detidos pelo cerco policial feito por viaturas do serviço operacional e da Força Tática.

Durante a averiguação, os policiais localizaram dentro do quarto da residência os objetos roubados das vítimas, além de outros, provavelmente subtraídos recentemente.

Todos os suspeitos e os objetos foram apresentados na Delegacia Central de Flagrantes para os devidos procedimentos. Neste departamento policial o homem confessou a autoria do delito e declarou ter utilizado o pedaço de cano de metal para praticar o roubo. Afirmou ainda, que o seu comparsa havia fugido e que os menores não tinham participação no crime.

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não a do Portal do Amaral. Compartilhe suas opiniões de forma responsável, educada e respeitando as opiniões dos demais, para que este ambiente continue sendo um local agradável e democrático. Obrigado.