logo

Secretaria de Saúde reforça a importância da vacinação contra dTpa para grávidas e amplia campanha aos profissionais de saúde

Secretaria Municipal de Saúde de Gurupi reforça às gestantes a necessidade de tomar a dose da vacina dTpa (contra Difteria, Tétano e Coqueluche). A dose deve ser aplicada em grávidas a partir da 20ª semana.

A coordenadora de Imunização da Secretaria Municipal de Saúde de Gurupi, Flaviane Teles, destaca que a dose de dTpa é uma das vacinas que faz parte do calendário vacinal da gestante e deve ser manipulada apenas uma dose. O objetivo da vacina dTpa em gestantes é diminuir a incidência da coqueluche. “A futura mãe toma a dose, evita a doença, e assim não existe possibilidade de transmissão ao bebê, que terá anticorpos contra essas doenças”, comenta explicando que a dose vai promover ao bebê a imunização necessária.

Flaviane destaca que caso a grávida não tenha tomado a dose, ela pode recebê-la durante o puerpério, de 0 a 45 dias após o nascimento do bebê. No entanto, nestes casos, a vacina terá a função de proteger somente a mãe, sendo que o bebê não terá como produzir anticorpos.

Ampliação da dose

No Tocantins a vacina contra dTpa foi ampliada aos profissionais de saúde que devem receber a dose até o dia 31 de agosto. Flaviane destaca que como o Ministério da Saúde liberou a dose para os profissionais é essencial que todos se imunizem. “É um ganho imenso para nós profissionais de saúde termos acesso a essa dose. Lembrando que a vacina deve ser manipulada em quem não a tonou nos últimos dez anos”, explana.

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não a do Portal do Amaral. Compartilhe suas opiniões de forma responsável, educada e respeitando as opiniões dos demais, para que este ambiente continue sendo um local agradável e democrático. Obrigado.