logo

Sargento da Polícia Militar Ambiental do Tocantins comete suicídio com tiro no ouvido

Nesta sexta-feira dia (04), na cidade de Dianópolis Tocantins, região central do estado o Sargento da Polícia Militar Samuel dos Santos Vieira tirou a própria vida com um tiro no ouvido.

Vieira ainda foi encaminhado para o hospital da cidade, mas não resistiu e morreu. Os motivos que o levaram a cometer o suicídio, ainda são desconhecidos.

Há 14 anos ingressado na Polícia Militar, atualmente ocupava o posto de 3º Sargento e trabalhava no Batalhão ambiental.

Em uma rede social, Vieira deixou uma mensagem antes de cometer o trágico ato de suicídio. “Seja fiel a Deus. Aos filhos, crianças, perdão. Amo meus filhos, porém fui fraco na decisão da vida. Estudem, mas lembrem que vocês têm família. Obrigada a todos pelo apoio. Pai e mãe, vocês não são culpados. A vida que escolhi me fez chegar até aqui. Amigos, obrigada por tudo. Família, amo vocês”, postou.

De acordo a Organização Mundial da Saúde – OMS, esse tipo de atitudes normalmente está relacionada a transtornos como a depressão, e ainda de segundo dados do Movimento Setembro Amarelo, nove em cada dez mortes por suicídio podem ser evitadas. O dado indica que a prevenção é fundamental para reverter essa situação, garantindo ajuda e atenção adequada.

FORMAS DE BUSCAR AJUDA

O Centro de Valorização à Vida (CVV) é uma das ONGs mais antigas do país. Fundada em São Paulo em 1962, atua no apoio emocional e na prevenção do suicídio por meio do telefone 188, e também por chat, e-mail e pessoalmente.

Após a implantação do telefone 188, por meio de acordo com o Ministério da Saúde, que garantiu gratuidade da tarifação telefônica, o órgão registrou cerca de 3 milhões de atendimentos por ano.

Todas as formas de acesso podem ser conferidas no site www.cvv.org.br, onde também é possível se informar sobre o Posto CVV mais próximo e como se tornar voluntário.

Jonas Amaral

Jonas Amaral - RP Nº: 911 - DRT / TO - Diretor Geral e Editor Chefe do Portal do Amaral – E-Mail: [email protected] – Tel. (63) 98471-7540 / 99975-7227 / WhatSapp: (63) 98471-7540

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não a do Portal do Amaral. Compartilhe suas opiniões de forma responsável, educada e respeitando as opiniões dos demais, para que este ambiente continue sendo um local agradável e democrático. Obrigado.