logo

Conecte conosco

Projeto de Lei do vereador Delegado Tiago Daniel visa beneficiar pessoas com deficiência auditiva em Tocantinópolis

A falta de um intérprete que ajude os surdos limita a inclusão social e trás, em alguns casos, até constrangimentos àqueles que precisam de algum atendimento e não são compreendidos porque não há uma pessoa que os entenda. Eles têm muita dificuldade e só conseguem resolver devido à ajuda de amigos ou quando pagam alguém que tenha o curso de Libras para ajudá-los a se comunicarem melhor em locais públicos.

Esses foram os principais motivos que levaram o vereador Delegado Daniel Tiago (PTB), a apresentar um Projeto Lei na Câmara Municipal de Tocantinópolis, onde fica autorizado ao Executivo que disponibilize Intérprete de Libras (Língua Brasileira de Sinais) em eventos municipais de grande fluxo de pessoas.

Pelo Projeto, o intérprete não precisa, necessariamente, pertencer ao quadro de funcionários do Executivo, mas poderá ser contratado para prestar serviços nos eventos municipais de grande fluxo de pessoas, quando for necessário.

De acordo com o parlamentar, o projeto visa    beneficiar aquelas pessoas com dificuldade ou perda auditiva, quando necessitarem usar locais com grande fluxo de pessoas, assegurando inclusive a elas o direito a trabalhar nesses locais, pois, na maioria das vezes, se veem marginalizadas pela dificuldade de interagir no ambiente visitado e de trabalho. “Por isso o objetivo da proposta é garantir um atendimento de qualidade a pessoas surdas por meio de serviços de tradução e interpretação”, destacou.

“Para garantirmos o direito de todos os cidadãos, não basta ter somente os prédios as cadeiras escolares, os conteúdos e os professores”, afirmou o vereador Delegado Tiago Daniel, lembrando que a Língua Brasileira de Sinais (Libras) é uma língua, um idioma oficial do Brasil, com estruturas e regras próprias. “A linguagem é parte integrante no desenvolvimento do ser humano. A falta dela tem graves consequências para o indivíduo no que se refere ao seu desenvolvimento emocional, social e intelectual”, asseverou o vereador.

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não a do Portal do Amaral. Compartilhe suas opiniões de forma responsável, educada e respeitando as opiniões dos demais, para que este ambiente continue sendo um local agradável e democrático. Obrigado.