logo

Professora da Escola de Canuanã da Fundação Bradesco é internada em UTI depois de contrair a covid-19

Com 40 anos de idade, casada, uma filha, 15 anos de magistério, a professora Adriana Angélica da Escola de Canuanã da Fundação Bradesco município de Formoso do Araguaia depois de complicações após contrair a covid-19, é internada em uma Unidade de Terapia Intensiva – UTI na cidade de Gurupi.

A Reportagem do Portal do Amaral entrou em contato com o esposo da professora Heriberto Chaves (Paraíba) que também está em isolamento e atendendo todos os protocolos de segurança, que informou que o quadro de saúde da esposa está estável, e que neste domingo (16), ela será transferida para o Hospital Osvaldo Cruz em Palmas.

Ainda de acordo o esposo, a maior preocupação dos médicos era em relação a oxigenação da paciente, mas que já foi controlado e que a mesma tem reagido bem aos medicamentos. E caso o seu quadro continue evoluindo para melhor, nem precisará ser entubada no momento da transferência.

Bastante confiante na recuperação da esposa, Heriberto pede a todos amigos que intercedam a Deus em oração para que ele possa entrar com providência e reestabelecer a saúde da sua esposa.

Adriana Angélica além de professora é graduada em Direito e Artes Cênica e tanto ela quanto o esposo são bastante conhecidos no meio artístico de Gurupi e região e a cinco anos ambos são funcionários na Escola de Canuanã da Fundação Bradesco no município de Formoso do Araguaia região sul do estado.

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não a do Portal do Amaral. Compartilhe suas opiniões de forma responsável, educada e respeitando as opiniões dos demais, para que este ambiente continue sendo um local agradável e democrático. Obrigado.