logo

Conecte conosco

PRF e Receita Federal apreendem caminhão com mais de 35 mil produtos importados ilegalmente

A ação conjunta resultou na apreensão de cerca de 30 mil aparelhos eletrônicos de última geração e 5600 cigarros eletrônicos

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) e a Receita Federal do Brasil (RFB) apreenderam na no fim da tarde de segunda-feira (13) um caminhão repleto de produtos importados ilegalmente.

A ocorrência foi registrada no km 663 da BR-153, município de Gurupi-TO. Na oportunidade, o
Caminhão conduzido por um homem de 44 anos foi abordado. Questionado sobre a carga, o condutor informou que o veículo foi carregado em Belém-PA, em uma propriedade rural, próximo às margens de um rio. Segundo ele, a mercadoria foi retirada de um barco e colocada diretamente dentro do caminhão. O homem informou que foi contrato para transportar a carga para São Paulo capital. Alegou não ter suspeitado de nada, visto que lhe foram entregues algumas notas fiscais.

Durante uma análise do que estava descriminado em Nota Fiscal em relação à carga transportada, encontrou- se indícios de irregularidade, visto que a quantidade de mercadorias em documento fiscal era incompatível com a quantidade de carga no veículo.

Ao analisar mais detidamente a carga, constatou-se a presença de diversos produtos eletrônicos não informados em nota fiscal como: TV BOX, relógios digitais, robô-aspirador, balança eletrônica, fones bluetooth e vários outros eletrônicos de última geração, com alto valor agregado, sem documentos fiscais e desembaraço alfandegário, indícios, de crime de descaminho.

Também foi encontrado no veículo aproximadamente 5.600 unidades de Cigarros eletrônicos de marcas variadas, mercadoria de venda proibida no Brasil, caracterizando, o crime de contrabando.

A Receita Federal fará o levantamento e valoração de tudo que foi apreendido, sendo cerca de 30 mil unidades de aparelhos eletrônicos diversos e 5600 cigarros eletrônicos.

Diante das informações obtidas foram constatados, em tese, os crimes de Contrabando e Descaminho.

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não a do Portal do Amaral. Compartilhe suas opiniões de forma responsável, educada e respeitando as opiniões dos demais, para que este ambiente continue sendo um local agradável e democrático. Obrigado.