logo

Polícia Militar, FUNAI e SESAI entregam kits de alimentação nas escolas indígenas da região Sul do Estado

A ação decorre de iniciativa do comando do 4º BPM, que após tomar conhecimento através dos caciques das aldeias da região acerca da situação precária de alimentação das comunidades indígenas, intermediou a entrega dos kits de alimentação.

A Polícia Militar (PM), a Fundação Nacional do Índio (FUNAI) e a Secretaria de Saúde Indígena (SESAI) entregaram nestes nesta semana 659 kits de alimentação nas aldeias indígenas situadas nos municípios de Formoso do Araguaia e Sandolândia, região Sul do Estado. Ao todo, 11 escolas indígenas da rede estadual de ensino e respectivas extensões foram contempladas com a ação do Governo do Estado.

A medida visa garantir a segurança alimentar das famílias e indivíduos afetados pelas circunstâncias advindas da pandemia do Coronavirus (Covid-19). A ação alcança os alunos das escolas públicas indígenas da rede estadual de ensino, que desde o último dia 16 do mês de março tiveram as suas aulas suspensas em razão da pandemia.

A efetivação dos benefícios decorre de intermediação feita pelo Comandante do 4º Batalhão, tenente-coronel Jaime Porfírio de Souza, que após tomar conhecimento da situação precária de alimentação das comunidades indígenas situadas na região, devido as cheias provocadas pelo Rio Javaé e também devido a quarentena, se propôs a somar esforços para resolver a emergência.

Após gestão feita com a Secretaria Extraordinária de Assuntos Parlamentares do governo do Estado foi disponibilizado os kits alimentares através da Secretaria de Estado da Educação (SEDUC) para serem entregues nas comunidades indígenas. Desde então, o 4º BPM, juntamente com a FUNAI e a SESAI se mobilizaram numa força tarefa, que favoreceu a rápida distribuição dos alimentos.

“Nos deparamos com casas afetadas pelas águas do Rio Javaé, falta de alimentos e desconforto para os povos das comunidades indígenas. Todavia, a chegada dos kits de alimentação amenizou a situação de calamidade nas aldeias”, declarou o tenente-coronel Jaime, que acompanhou diretamente a entrega dos alimentos.

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não a do Portal do Amaral. Compartilhe suas opiniões de forma responsável, educada e respeitando as opiniões dos demais, para que este ambiente continue sendo um local agradável e democrático. Obrigado.