logo

Morre aos 68 anos o escritor, político e jornalista Ademir Rêgo

Ademir estava internado em São Paulo em tratamento contra leucemia. Ele foi um dos fundadores da Academia de Letras de Paraíso e atuou como secretário de infraestrutura da cidade.

Morreu nesta quinta-feira (28) o escritor, político e jornalista de Paraíso do Tocantins Ademir Barbosa Rêgo, aos 68 anos. Ademir estava internado em São Paulo em tratamento contra leucemia e não resistiu. Ele deixa mulher, quatro filhos e netos.

Ademir Rêgo era considerado um pioneiro em Paraíso. Além de atuar como secretário municipal de infraestrutura por vários anos, ele foi um dos fundadores da Academia de Letras da cidade. Atualmente era um dos responsáveis pelo Portal Surgiu. Ao longo da carreira, ele escreveu para vários jornais do estado.

Natural de Sucupira do Norte, no Maranhão, o escritor morava no atual território do Tocantins desde que era criança. No fim dos anos 70, integrou o Movimento Democrático Brasileiro (MDB) e ajudou a fundar o diretório municipal do partido.

Ele é o autor da série de livros “Casos ao Acaso”, que teve três volumes e conta casos reais da perspectiva do humor. Ainda não há informações sobre o velório de Ademir Rêgo. A Prefeitura de Paraíso do Tocantins decretou luto oficial de três dias.

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não a do Portal do Amaral. Compartilhe suas opiniões de forma responsável, educada e respeitando as opiniões dos demais, para que este ambiente continue sendo um local agradável e democrático. Obrigado.