logo

Focados na melhoria do ensino, educadores da rede municipal se reúnem para autoavaliação da Educação Infantil

Na noite desta terça-feira, 24, os profissionais da Educação Infantil se reuniram em plenária  para a Autoavaliação da Educação Infantil (Indique) Selo Unicef, com o apoio da Secretaria do Trabalho e Assistência Social, Saúde e Conselho Tutelar.   

O evento foi aberto com a explanação sobre o Selo Unicef, pela Supervisora dos Serviços e Programas da Secretaria Municipal do Trabalho, Assistência Social e Proteção a Mulher, Maria José Leite, que destacou que o Selo é uma iniciativa para melhorar as condições de vida das crianças e dos adolescentes com objetivos de alcançar os menores que são excluídos das políticas públicas, melhorar a qualidade das políticas públicas já existentes, prevenir e enfrentar as formas extremas de violência contra crianças e adolescentes, entre outros.

Conforme a Pedagoga, Assessora Técnica de Educação Inclusiva, Eliene Ferreira, um dos objetivos da Autoavaliação é compreender os pontos fracos e fortes da educação. Ela destaca que para as instituições de educação infantil tenham bons resultados é necessário que os entes envolvidos tenham clareza a respeito dos objetivos da instituição e atuem conjuntamente de forma construtiva. Enfatiza que a proposta pedagógica deve ser um instrumento de trabalho, periodicamente, revisto com base nas experiências vividas na instituição, nas avaliações do trabalho desenvolvido e nos novos desafios que surgem.

O secretário municipal de Educação de Gurupi, Eurípedes Fernandes, destacou que o trabalho é focado na melhoria na qualidade de ensino. Destacou que a adesão ao Selo Unicef em 2017 veio com o propósito de auxiliar na melhoria do ensino porque fornece instrumentos importantíssimos para a autoavaliação e encontrar novos caminhos. “Estamos muito abertos para discutirmos o que necessita ser implantado”, enfatizou.

Durante o evento, Eurípedes aproveitou para apresentar alguns números da educação municipal que revelam o salto de qualidade. Conforme ele, em 2012, o município atendia, na educação infantil, apenas 987 crianças, hoje são 2.223 crianças nessa faixa que frequentam as unidades municipais, isso é fruto da construção e implantação dos Centros Municipais de Educação Infantil (Cemei’s), sendo que na pré-escola, são atendidos 1.519 alunos de  4 e 5 anos, na faixa etária de 0 a 3 anos são mais de 300 crianças, sendo que essa oferta não é obrigatória, pois o Plano Nacional de Educação estabelece que os municípios terão até 2024 para atender 50% dessa demanda, no entanto, Gurupi já atende 22% da demanda, que será aumentada no próximo ano com o funcionamento dos dois novos Cemei’s que serão inaugurados no aniversário de Gurupi. “Nós pudemos melhorar porque temos um prefeito que tem um olhar carinhoso para a educação”, enfatizou.

O secretário destacou que o encontro para a autoavaliação é super importante para oportunizar a sociedade de conhecer o que está sendo feito e poder sugerir o que pode ser implementado para melhorar a qualidade do ensino.

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não a do Portal do Amaral. Compartilhe suas opiniões de forma responsável, educada e respeitando as opiniões dos demais, para que este ambiente continue sendo um local agradável e democrático. Obrigado.