logo

Eleição acirrada define os novos conselheiros tutelares em Formoso do Araguaia

O processo eleitoral para escolha dos ocupantes ao cargo de conselheiro tutelar em Formoso do Araguaia como todo Brasil ocorreu neste domingo (06/10). Dos cincos eleitos, dois deles foram reeleitos para mais quatro anos.

De acordo com o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), órgão responsável pela realização da eleição em Formos do Araguaia, dos 48 candidatos que tiveram suas candidaturas deferidas, os cinco mais votados ocuparão as vagas existentes, enquanto que os outros cinco demais ficarão na suplência.

Quais são as atribuições dos conselheiros?

Atender e aconselhar os pais ou responsável pelas crianças e adolescentes;

Requisitar serviços públicos nas áreas de saúde, educação, serviço social, previdência, trabalho e segurança para crianças e adolescentes;

Encaminhar ao Ministério Público notícia de fato que constitua infração administrativa ou penal contra os direitos da criança ou adolescente;

Requisitar certidões de nascimento e de óbito de criança ou adolescente quando necessário;

Representar, em nome da pessoa e da família, contra a violação dos direitos;

Representar ao MP, para efeito das ações de perda ou suspensão do poder familiar, após esgotadas as possibilidades de manutenção da criança ou do adolescente junto à família natural.

Veja aqui o nome dos eleitos:

1º lugar- Adão Coutinho 252 votos

2º lugar – Elton Cardoso- 236 votos

3º Daniele Gama- 235 votos

4º Antônio Regino Neto- 229 votos

5º Thais Alves- 164 votos

Jonas Amaral

Jonas Amaral - RP Nº: 911 - DRT / TO - Diretor Geral e Editor Chefe do Portal do Amaral – E-Mail: [email protected] – Tel. (63) 98471-7540 / 99975-7227 / WhatSapp: (63) 98471-7540

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não a do Portal do Amaral. Compartilhe suas opiniões de forma responsável, educada e respeitando as opiniões dos demais, para que este ambiente continue sendo um local agradável e democrático. Obrigado.