logo

Conecte conosco

Coapa realiza testes para avaliar vigor e germinação de sementes

Assim como ocorreu no último ano agrícola, a Cooperativa Agroindustrial do Tocantins (Coapa) está realizando testes de germinação e vigor de sementes de soja na Safra 2021/2022 As avaliações estão sendo feitas em uma estrutura instalada na área do armazém da cooperativa, em Pedro Afonso.

No dia 16 de setembro, foram plantadas sete variedades de sementes da empresa J&H, e no dia seguinte semeada uma variedade da Uniggel Sementes.

A previsão é que os resultados desses primeiros testes sejam divulgados no próximo dia 27 de setembro.

Ainda estão previstos testes com variedades das sementeiras Campeã, Basf, Goiás, Nidera, Progresso, Limagrain e Safra Sementes.

O gerente técnico da Coapa, Fernando Coelho, explicou que os testes servem para extrair o máximo do potencial das variedades, bem como a plantabilidade adequada para cada semente. Ele também falou dos benefícios para os cooperados que cultivam soja. “Os produtores terão o respaldo da cooperativa com o resultado do percentual de germinação e vigor de cada variedade. Assim, poderão semear a quantidade adequada de plantas desejável para cada variedade semeada e alcançar o máximo potencial produtivo da planta”, exemplificou.

Os testes são desenvolvidos pelas responsáveis técnicas Isadora Narciso Cerqueira Morais (engenheira agrônoma) e Lucilene Alves (técnica em agropecuária), com auxílio da estagiária Tainá Testa Nicola, estudante do 10º período do curso de agronomia.

 

Como funciona

Foi construída uma estufa com quatro canteiros, cada um com dez metros de comprimento por três metros de largura. No local é feito o tratamento das sementes que depois são cultivadas nos canteiros preparados com terra normal e uma camada superior com 20 centímetros de areia da praia desinfectada para evitar a contaminação das sementes.

Do plantio até o final do ciclo produtivo, as sementes são irrigadas três vezes ao dia.

Ao longo dos testes, são feitas duas avaliações após o cultivo das sementes: uma no oitavo dia para analisar a germinação e outra no décimo dia – quando são colhidas as mudas de soja –, para verificar o vigor. Após análises rigorosas são emitidos laudos técnicos que atestam as características das sementes.

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não a do Portal do Amaral. Compartilhe suas opiniões de forma responsável, educada e respeitando as opiniões dos demais, para que este ambiente continue sendo um local agradável e democrático. Obrigado.