logo

Governo, por meio da Setas, participa da Semana de atividades do Programa Criança Feliz, em Brasília

Os objetivos são avaliar sobre os resultados e avanços do Programa Criança Feliz, bem como refletir sobre os desafios do processo de implementação do PCF em 2019 e construir caminhos para o ano de 2020.

Com propostas de participar da avaliação sobre os resultados e avanços do Programa Criança Feliz, bem como refletir sobre os desafios do processo de implementação do PCF em 2019 e construir caminhos para o ano de 2020, o Governo do Tocantins, por meio da equipe de Coordenação Estadual do Programa Criança Feliz da Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social (Setas), participa da Semana de atividades do Programa Criança Feliz/Primeira Infância no SUAS, entre os dias 10 e 13 de dezembro, terça a sexta-feira, em Brasília/DF.

 

Programação:

O evento, promovido pelo Ministério da Cidadania, terá três atividades distintas relativas aos processos de gestão do Programa Criança Feliz.  Nos dias 10 e 11 de dezembro acontece o 3º Encontro de Coordenadores Estaduais; no dia 12 será realizado o 2º Encontro Nacional do Programa Criança Feliz; já no dia 13, será ministrado pelo FNAS a Oficina Gestão do Financiamento do PCF/Primeira Infância no SUAS.

No 3º Encontro de Coordenadores Estaduais, a proposta é avaliar sobre os resultados e avanços do Programa Criança Feliz, bem como refletir sobre os desafios do processo de implementação do PCF em 2019 e construir caminhos para o ano de 2020.

No 2º Encontro Nacional do Programa Criança Feliz, serão apresentadas as experiências dos municípios com boas práticas de gestão, a exemplo do ano passado e a homenagem aos parceiros da política de promoção da primeira infância.

 

Públicos

Os púbicos-alvos são: Coordenadores e coordenadoras Estaduais, multiplicadores estaduais e técnicos do Programa Criança Feliz/Primeira Infância no SUAS e técnicos do Fundos Estaduais que atuam na gestão do financiamento federal do Programa Criança Feliz.

Conforme a coordenadora estadual do programa, da Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social (Setas), Katilvânia Guedes, a participação da Coordenação Estadual é importantíssima em todos os eventos, principalmente na avaliação dos resultados e para planejar novos caminhos para o ano de 2020’, informou a coordenadora estadual. “Será uma semana de avaliação, planejamento, encontro e celebração”, destacou.

Segundo a assessora de Processo de capacitação da Coordenação de Formação e Disseminação do Programa Criança Feliz, Cleionice Gonçalves, o  evento também pretende resgatar encaminhamentos das reuniões passadas, a fim de avaliar os processos de trabalho do Dapi; refletir sobre a importância do trabalho do visitador domiciliar  no programa Criança Feliz; apresentar as conquistas e resultados  do PCF em 2019; compartilhar as experiências exitosas de municípios na execução do PCF; apresentar as perspectivas para o ano de 2020 e fazer um reconhecimento aos municípios que executaram boas práticas e aos parceiros do Criança Feliz, ressalta.

 

Criança Feliz

É uma iniciativa do Governo Federal, com gestão compartilhada com o Governo do Estado e municípios. No Tocantins o programa é coordenado por meio da Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social (Setas) e os municípios. O objetivo do programa é ampliar a rede de atenção e o cuidado integral às crianças na primeira infância, considerando sua família e seu contexto de vida.

Atualmente, 51 municípios do Tocantins estão com adesão ativa ao programa  e atendem ribeirinhos, populações indígenas e quilombolas, levando ações do Governo do Estado, por meio da Setas. Em 2019, todos os municípios com adesão ao programa registraram visitas. Até o momento foram visitadas 9.030 crianças, 2.322 gestantes, 11.352 pessoas, sendo 8.576 famílias visitadas.

O Programa Criança Feliz/Primeira Infância no Sistema Único de Assistência Social – SUAS tem como objetivo promover o desenvolvimento humano, a partir do apoio integral voltado à criança na primeira infância, considerando sua família e seu contexto de vida.

A iniciativa do ‘Criança Feliz’ assegura os direitos das famílias em vulnerabilidade social, mas, acima de tudo, estimula o desenvolvimento das crianças nos primeiros mil dias de vida, período em que elas desenvolvem a maioria das suas competências.

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não a do Portal do Amaral. Compartilhe suas opiniões de forma responsável, educada e respeitando as opiniões dos demais, para que este ambiente continue sendo um local agradável e democrático. Obrigado.