logo

Prefeitura de Tocantínia comemora o Dia Nacional da Conservação do Solo

Data criada com o intuito de desenvolver um pensamento crítico na população sobre a importância da correta utilização do solo, como um recurso natural para a produção de alimentos, o Dia Nacional da Conservação do Solo é comemorado anualmente em 15 de abril.
Em Tocantínia, a data foi comemorada  de forma especial, pela Prefeitura Municipal, por meio de uma parceria entre a  Secretaria de Meio Ambiente e a  Secretaria  de Educação.
Para isso, foram mobilizados os alunos da Escola Municipal de Tempo Integral Antônio Benvindo da Luz,  que  ganharam um passeio à  Aldeia Piabanha, onde tiveram a oportunidade  de conhecer a roça tradicional, além do córrego Piabanha e suas nascentes de rios, nas proximidades da  aldeia,
De acordo com o secretário de Meio Ambiente, Francisco Nardes, esse passeio propiciou aos alunos conhecer um pouco mais e entender, principalmente, a importância da conservação do solo, por meio da prática do plantio de mudas.
Os alunos também visitaram o viveiro municipal onde são produzidas as mudas nativas que são utilizadas na recuperação de áreas degradadas. A instalação do viveiro é da Associação da Brigada Indígena Xerente e tem parceria com a Prefeitura de Tocantínia.
O secretário de educação do município, André Goveia destacou a preocupação da administração municipal com a preservação da natureza e que desde cedo, os alunos da  Rede Municipal de Educação são orientados quanto a importância da preservação do meio ambiente.
Goveia lembrou que a   natureza leva de 200 a 400 anos para formar uma camada de apenas 1 cm de solo, mas o mau uso e manejo do solo degrada o mesmo por erosão hídrica numa taxa muito maior que sua formação, principalmente em regiões subtropicais/tropicais úmidas como as brasileiras.
“Essa ação que estamos colocando em prática com os nossos alunos  é muito importante, pois o solo produz nutrientes para plantas, contribuindo par ao cultivo de uma gama de diversidade vegetal, além de ser fundamental na captação e armazenamento da água. Conservar o solo, é manter o ecossistema equilibrado, fator gerado de qualidade de vida”, finalizou o secretário André Goveia.
Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não a do Portal do Amaral. Compartilhe suas opiniões de forma responsável, educada e respeitando as opiniões dos demais, para que este ambiente continue sendo um local agradável e democrático. Obrigado.