logo

Conecte conosco

Em menos de 15 dias Polícia Civil do Tocantins conclui inquérito sobre crime bárbaro ocorrido em Dois Irmãos

O crime foi caracterizado como latrocínio, vilipêndio de cadáver e corrupção de menores

A Polícia Civil do Tocantins (PC-TO), por meio da 68ª Delegacia de Polícia de Miracema, concluiu em menos de 15 dias o inquérito que apurava o crime bárbaro que ocorreu no dia 27 de fevereiro deste ano, em Dois Irmãos e que vitimou um idoso de 62 anos. O crime foi caracterizado como latrocínio, vilipêndio de cadáver e corrupção de menores, o inquérito agora segue para apreciação do Ministério Público e do Poder Judiciário.

De acordo com o delegado responsável pelo caso, Clecyws Antônio de Castro Alves, o laudo médico pericial confirmou que o coração da vítima não foi encontrado no corpo, todavia, não se pode confirmar o ato de canibalismo, já que não é possível confirmar se  houve a ingestão do órgão pelos suspeitos.

O caso

Em ação rápida, a Polícia Civil do Tocantins (PC-TO) e Polícia Militar (PM-TO), prenderam em flagrante dois homens e uma adolescente de 17 anos suspeitos do envolvimento no crime. A prisão em flagrante ocorreu em menos de 24 horas após a PC-TO e PM-TO iniciarem diligências em buscas dos autores que foram capturados ainda em suas residências.

Os três suspeitos confessaram envolvimento  na prática do crime ao serem interrogados. Após os procedimentos legais cabíveis, os dois homens foram recolhidos à Casa de Prisão Provisória de Miracema, onde permanecem à disposição do Poder Judiciário. Já a adolescente de 17 anos foi encaminhada para o estabelecimento compatível com a sua situação.

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não a do Portal do Amaral. Compartilhe suas opiniões de forma responsável, educada e respeitando as opiniões dos demais, para que este ambiente continue sendo um local agradável e democrático. Obrigado.