logo

Conecte conosco

Dois suspeitos de atearem fogo em um ônibus da prefeitura de Lajeado são presos pela Polícia Civil do Tocantins

Homens cumpriam medidas cautelares com uso de tornozeleira eletrônica.

A Polícia Civil do Tocantins, por meio da 1º Divisão Especializada de Repressão ao Crime Organizado (Deic – Palmas) efetuou na manhã desta terça-feira, 23, em Palmas, a prisão preventiva de dois suspeitos de atearem fogo em um ônibus que estava estacionado na garagem da prefeitura de Lajeado. Os homens têm idades de 19 e 23 anos, respectivamente, e foram identificados como autores do incêndio.

De acordo com o delegado responsável pelo caso, Hismael Athos, os dois suspeitos não foram localizados no dia do cumprimento dos mandados efetuados em ocasião da Operação realizada no dia 10 de junho.  A investigação apontou que esses dois homens cumpriram ordens de uma facção criminosa.

Entenda

No dia último 10 de de junho, a Polícia Civil do Tocantins (PC-TO), por meio da 1ª Divisão Especializada de Repressão ao Crime Organizado (Deic – Palmas), cumpriu mandados de buscas e apreensão em alas da Unidade de Segurança Máxima de Cariri, Unidade Prisional de Gurupi, e no presídio do Barra da Grota em Araguaína, onde se encontram os membros de uma facção criminosa reconhecida nacionalmente. Buscas e apreensões também foram cumpridas em Lajeado. O objetivo era identificar ordens de um ataque ocorrido no dia 11 de abril deste ano.

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não a do Portal do Amaral. Compartilhe suas opiniões de forma responsável, educada e respeitando as opiniões dos demais, para que este ambiente continue sendo um local agradável e democrático. Obrigado.