logo

Manifestantes liberam rodovia após 18 horas de protesto no Tocantins

Ato foi para pedir a pavimentação da TO-447. Processo licitatório deve ser iniciado no 1º semestre deste ano, diz governo.

Manifestantes que bloquearam a TO-447 neste fim de semana, encerraram o protesto após 18 horas. O movimento foi para chamar a atenção do governo em relação às más condições do trecho da rodovia que liga Paraíso do Tocantins a Chapada da Areia, região central do Tocantins.

Cerca de 800 pessoas participaram do protesto neste sábado (6) e domingo (7). No primeiro dia, o ato começou às 6h e encerrou às 18h. No domingo, iniciou às 6h e foi até o meio-dia. A cada quatro horas o trecho era liberado por 30 minutos.

O idealizador da manifestação, Valdivon Rodrigues, mora na zona rural de Paraíso doTocantins há dois anos e meio. Ele conta que todos os dias precisa trafegar 40 km para ir trabalhar na cidade.

Para ele e outros motoristas que passam pelo local, a viagem não é nada tranquila. A estrada é cheia de buracos. No período chuvoso, os moradores precisam enfrentar o atoleiro. “Sou uma das vítimas. Carros quebram e é a gente que paga, acidentes também são comuns na rodovia. É buraco demais e quando chove tem muito atoleiro.”

Em nota, a Agência Tocantinense de Transporte e Obras (Agetoc), informou que o projeto para pavimentação do trecho que liga Paraíso do Tocantins a Chapada da Areia já está pronto. Porém a análise do Banco Mundial (instituição financeira da obra) solicitou algumas alterações que já estão sendo feitas pela empresa responsável.

A nota diz ainda, que o processo licitatório deve começar no primeiro semestre de 2016.

___

Parceiros:

Par_03

Fonte:
Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não a do Portal do Amaral. Compartilhe suas opiniões de forma responsável, educada e respeitando as opiniões dos demais, para que este ambiente continue sendo um local agradável e democrático. Obrigado.
error: Conteúdo protegido!!