logo

Polícia Civil deflagra operação de combate à criminalidade prende sete pessoas por suspeitas de tráfico de drogas no sul do estado

Polícia Civil deflagra operação de combate à criminalidade prende sete pessoas por suspeitas de tráfico de drogas no sul do estado

Policiais Civis da 8ª Divisão Estadual de Investigações Criminais (DEIC ), de Gurupi, comandados pelo delegado Rafael Fortes Falcão, e com o apoio de agentes da Delegacia de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP) e Delegacia de Polícia de Peixe, deflagraram, na manhã desta quarta-feira, 13, a segunda fase da operação “Macaco”, a qual resultou no cumprimento de seis mandados de prisões preventivas e quatro prisões em flagrante por tráfico de drogas.

De acordo com o delegado Rafael Falcão, as diligências ocorreram nas cidades de Gurupi, Peixe e Dueré e, além das prisões, resultaram na apreensão de um tablete de maconha, porções menores e uma muda da mesma droga, bem como várias porções de crack, dinheiro, plástico filme (usualmente utilizado para embalar porções fracionadas de entorpecentes), balança de precisão, aparelhos celulares e veículos.

Ao todo, 11  pessoas foram presas desde o início da operação Macaco, que teve sua primeira fase deflagrada em 17/09/2019 prendendo quatro pessoas na cidade de Gurupi e apreendendo 29 tabletes de maconha naquele dia, sendo que nesta quarta foram presos em Gurupi, os indivíduos de iniciais; G.B.B. (27 anos), preso em flagrante por tráfico de drogas; K.C.D.S. (42 anos), presa em flagrante por tráfico de drogas e cumprimento de mandado de prisão preventiva pelo mesmo motivo; M.P.D.O. (24 anos) preso em cumprimento de mandado de prisão preventiva; T.R.D.A. (19 anos) preso em cumprimento de mandado de prisão preventiva.

Durante o curso das diligências, os policiais civis também capturaram H.T.D.L. (20 anos) preso em cumprimento de mandado de prisão preventiva em Dueré; T.G.F.F. (27 anos) presa em flagrante por tráfico de drogas e em cumprimento de mandado de prisão preventiva na cidade de Peixe; T.P.D.A. (22 anos) presa em flagrante por tráfico de e em cumprimento de mandado de prisão preventiva na cidade de Peixe.

Após serem capturados, todos os indivíduos foram conduzidos até à Central de Atendimento da Polícia Civil em Gurupi e após a realização dos procedimentos legais cabíveis todos foram repassados a custódia do sistema prisional do Estado do Tocantins.

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não a do Portal do Amaral. Compartilhe suas opiniões de forma responsável, educada e respeitando as opiniões dos demais, para que este ambiente continue sendo um local agradável e democrático. Obrigado.