logo

Moradores de Formoso do Araguaia reclamam de problemas na rodoviária da cidade

Associação que cuida do lugar disse que não tem dinheiro para fazer os reparos. Usuários também reclamam da quantidade de linhas no local.

A rodoviária de Formoso do Araguaia, na região sul do estado, está com vários problemas estruturais. Os usuários também reclamam que apenas três empresas fazem linha até o local e as rotas para a zona rural foram suspensas.

O terminal tem vidros quebrados e faltam lâmpadas. Nos banheiros não tem azulejos nas paredes, fios de eletricidade estão expostos e sobram gambiarras. Além disso, o mictório só vive entupido.

“Aqui é um lugar de viajantes. A pessoa quer tomar um banho, lavar as mãos, os pés e não tem água. Aí é complicado”, reclamou Donizete Rodrigues.

Outro problema está no telhado da rodoviária. A estrutura é baixa e, segundo os usuários, alguns ônibus não encostam. Os que tentam acabam colidindo. “É uma vergonha para a cidade de 20 mil habitantes uma rodoviária nesse estado”, disse o estudante Sávio Parrião.

O terminal rodoviário é administrado por uma associação. Os usuários afirmam que faz muito tempo que uma reforma completa não é realizada no local.

Outro lado

A Associação de Limpeza e Organização do Terminal Rodoviário de Formoso (Ascorfa) informou que administra o lugar há quatro anos e que está ciente da necessidade de reforma.

Porém, disse que a arrecadação não é o suficiente para manter a rodoviária porque a taxa cobrada por passagem é de apenas R$ 2 e o dinheiro arrecadado só daria para pagar a funcionária da limpeza.

Informou ainda que só existem linhas para Araguaçu e Gurupi, pois as demais foram cortadas devido à baixa procura pelos passageiros. Sobre a falta d’água, a administração informou que a informação não procede.

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não a do Portal do Amaral. Compartilhe suas opiniões de forma responsável, educada e respeitando as opiniões dos demais, para que este ambiente continue sendo um local agradável e democrático. Obrigado.