logo

Luana Ribeiro solicita ação judicial contra Funrio por não devolver valor da inscrição de Concurso

Na tarde desta quinta-feira, 03, a presidente interina da Assembleia Legislativa, deputada Luana Ribeiro (PSDB), solicitou à diretoria da Casa para acionar judicialmente a Fundação de Apoio a Pesquisa, Ensino e Assistência (Funrio), em função da mesma não ter devolvido, até o presente momento, as taxas de inscrições aos candidatos do Concurso da AL-TO.

A empresa foi contradada em 2016 para organizar o certame, que foi cancelado dias depois que o edital foi lançado, em decisão decorrente do Ato da Mesa Diretora da Assembleia Legislativa do Estado do Tocantins nº 05 de 20 de Outubro de 2016.

Conforme acordo acertado entre a AL-TO e a Funrio em 2017, a empresa deveria devolver o valor da taxa entre os meses de janeiro e fevereiro deste ano, aos candidatos que realizam inscrição no certame, um total de 273 pessoas. Porém, o acordo não foi cumprido.

A presidente interina Luana Ribeiro espera que, com a ação judicial, a empresa cumpra com o acordo firmado. “Estamos tomando todas as medidas jurídicas para devolver o dinheiro de quem tem direito. É uma questão de honra para o Parlamento”, garantiu a deputada.

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não a do Portal do Amaral. Compartilhe suas opiniões de forma responsável, educada e respeitando as opiniões dos demais, para que este ambiente continue sendo um local agradável e democrático. Obrigado.