logo

Setas debaterá ações de Economia Solidária do Projeto Ecosol nesta próxima quinta-feira, 9

Com o objetivo de fortalecer diretamente os empreendimentos de Economia Solidária do Projeto Ecosol Territorial e firmar futuras parcerias de políticas públicas que beneficiarão os territórios do Bico do Papagaio, Jalapão e Sudeste do Tocantins, a Secretaria do Trabalho e Assistência Social (Setas) promoverá nesta quinta-feira, 9, às 12h30, na sala de reunião do órgão, uma audiência pública com 17 municípios tocantinenses contemplados pelo projeto.

A reunião contará com a participação da secretária da Setas, Patrícia do Amaral, gestores municipais e técnicos do setor de inclusão produtiva da pasta que discutirão as ações a serem implantadas nas cidades,  como as instalações de pontos de apoio para a realização dos trabalhos dos Agentes de Desenvolvimento Locais e Economia Solidária e desenvolvimento das atividades que envolvem o segmento. Na ocasião, serão firmados termos de parcerias entre Setas e as prefeituras.

Para a gerente de Inclusão Produtiva da Setas, Mara Nôleto Dorta, o encontro debaterá as ações de Política de Economia Solidária nos municípios. “Será uma oportunidade para debater junto com os gestores públicos os desafios das ações a serem planejadas e desenvolvidas pelos empreendimentos”, disse.

 

O Projeto

O Projeto Ecosol Territorial está sendo desenvolvido por meio de um convênio entre a Setas e o Ministério do Trabalho e Emprego, por meio da Secretaria Nacional de Economia Solidária. O objetivo é fortalecer as organizações de Economia Solidária nos territórios do Bico do Papagaio, Jalapão e região Sudeste do Tocantins com o intuito de promover o desenvolvimento social e a erradicação da pobreza do estado.

 

Municípios contemplados

Araguatins, Augustinópolis, Axixá do Tocantins, Carrasco Bonito, São Miguel do Tocantins, Esperantina, Sampaio, Lagoa do Tocantins, Mateiros, Rio Sono, Santa Teresa do Tocantins, Ponte Alta do Tocantins, Rio da Conceição, Porto Alegre do Tocantins, Paranã, Taipas do Tocantins e Dianópolis.

Fonte:
Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não a do Portal do Amaral. Compartilhe suas opiniões de forma responsável, educada e respeitando as opiniões dos demais, para que este ambiente continue sendo um local agradável e democrático. Obrigado.