logo

Metas do QUALIÁGUA para o ano são estabelecidas e trabalho é iniciado no rio Formoso

Com a adesão ao Programa Nacional de Avaliação da Qualidade das Águas-PNQA/ Programa de Estímulo à Divulgação de Dados de Qualidade de Água – QUALIÁGUA, no final de 2016, o Tocantins acordou com a Agência Nacional das Águas (ANA) o cumprimento de 156 metas de monitoramento e divulgação de dados de qualidade da água no prazo de vigência do contrato, que é de cinco anos no total. Para 2017, foram estabelecidos 30 pontos, que compreendem a avaliação de seis parâmetros: Oxigênio Dissolvido, Condutividade, PH, Turbidez, Temperatura da água, Temperatura do Ar e simultaneamente a Vazão, de forma a abranger todo o estado. O valor do contrato com a ANA é de R$ 1.166.000,00.

Este trabalho já foi iniciado, começando pela bacia do rio Formoso, onde equipe técnica da Secretaria do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semarh) se encontra. “Esta é uma bacia que vem apresentando uma grande demanda de água pelo setor agrícola, por isso o seu monitoramento é feito regularmente pela Semarh”, explica o diretor de Planejamento e Gestão de Recursos Hídricos, Aldo Azevedo.

Sobre os pontos estabelecidos, Aldo ressalta que “a meta será incrementada ano a ano tanto em número de pontos quanto em número de parâmetros analisados até atingir a meta total de 156 pontos acordados com a Agência Nacional de Águas”.

QUALIÁGUA

Com adesão voluntária, o QUALIÁGUA parte do pressuposto que os dados de qualidade da água são importantes para diversos públicos, como: gestores públicos, pesquisadores, estudantes e empresas. Os parâmetros mínimos a serem coletados nos pontos de monitoramento envolvem aspectos físico-químicos (transparência, temperatura da água, oxigênio dissolvido, pH e Demanda Bioquímica de Oxigênio, por exemplo), microbiológicos (coliformes), biológicos (clorofila e fitoplâncton) e de nutrientes (relacionados a fósforo e nitrogênio).

Fonte:
Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não a do Portal do Amaral. Compartilhe suas opiniões de forma responsável, educada e respeitando as opiniões dos demais, para que este ambiente continue sendo um local agradável e democrático. Obrigado.