logo

Ação do Outubro Rosa mobiliza servidores da Agência de Saneamento

Para mobilizar os servidores e servidoras da Agência Tocantinense de Saneamento (ATS), foi realizada nessa semana, uma série de ações em prol do movimento mundial Outubro Rosa. A ação contou com a parceria da Secretaria de Estado da Saúde (SES). Profissionais da pasta ministraram palestras sobre o câncer de mama e o de colo do útero.

Para Eder Fernandes, presidente da ATS, a iniciativa foi uma oportunidade para conscientização. “Todos os servidores foram convidados a vestirem-se de rosa, uma forma simbólica de mostrar que ATS apoia este movimento, o que acredito que deve ser seguido por todos os órgãos públicos, seja estadual, municipal ou federal. Incentivar seus servidores a realizarem exames regularmente e adotarem hábitos que contribuem para a prevenção destas doenças”, destacou.

“O câncer de mama é uma das maiores causas da morte de mulheres por câncer no mundo e no Brasil, apesar de ser uma doença com alta chance de cura, desde que descoberta no início. Existem mitos em torno da doença, e seu diagnóstico e tratamentos devem ser esclarecidos”, ponderou o médico mastologista Roberto de Muzio Gripp, que ministrou palestra sobre o tema.

Ao final da palestra, os participantes puderam fazer perguntas, expôr dúvidas, medos e ansiedades sobre o câncer de mama. Em outro momento, a equipe da SES trouxe ao público, informações sobre o câncer de colo do útero. Segundo o Instituto Nacional de Câncer (Inca), este tipo de câncer é o segundo tumor mais frequente entre as mulheres, perdendo apenas para o câncer de mama.

A enfermeira Fernanda Sousa destacou alguns riscos que favorecem o aparecimento dessa doença: como o sexo desprotegido com múltiplos parceiros, histórico de DST’s (HPV), tabagismo, idade precoce da primeira relação sexual e multiparidade, ou seja, várias gravidezes.

“Entre os fatores de proteção estão: a dieta equilibrada, atividade física regular e peso adequado. É importante também que o exame de papanicolau seja realizado anualmente, já que pode detectar o câncer em um estágio inicial”, apontou a enfermeira.

Raimundo Nonato Pereira, contador da ATS, participou de toda programação realizada nessa quarta-feira, 11, véspera de feriado. De acordo com ele, apesar de ser uma doença que afeta mais mulheres, faz-se fundamental o apoio do homem, seja no incentivo a realização de exames regulares, e acompanhamento quando se faz necessário o tratamento.

“Eu, por exemplo, acompanho minha esposa para realizar os exames de rotina, sempre vou com ela ao ginecologista, porque há um tabu grande entre os homens. Eu faço isso, acho interessante o marido acompanhar a sua mulher, aconselho que todos os homens façam, para que elas se sintam mais seguras e amparadas”, destacou o servidor.

De acordo com a Sociedade Brasileira de Mastologia, o câncer de mama atinge, principalmente, mulheres, porém contrariando o que muitos pensam, a doença também acomete os homens. Embora, pouco frequente. Para se ter uma ideia, para cada 100 casos em mulheres existe, pelo menos, um caso em homens.

Em nosso Flickr, veja a galeria completa de imagens desta ação: https://flic.kr/s/aHsm6XB9bc

 

Jonas Amaral

Jonas Amaral - RP Nº: 911 - DRT / TO - Diretor Geral e Editor Chefe do Portal do Amaral – E-Mail: [email protected] – Tel. (63) 98471-7540 / 99975-7227

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não a do Portal do Amaral. Compartilhe suas opiniões de forma responsável, educada e respeitando as opiniões dos demais, para que este ambiente continue sendo um local agradável e democrático. Obrigado.